Blog

Dirty Little Drawings

 “Marco Smoking A Blunt”

“Marco Smoking A Blunt”

“Dirty Little Drawings”

Desenhos em caneta e em tinta da china

 

The Late Birds Lisbon

Travessa André Valente, 21. Bairro Alto, Lisboa.

15 a 30 setembro

Inauguração sábado dia 15, das 15h às 19h

 

 

Estes trabalhos assentam-se numa das extremidades da produção do artista, ou seja, no retrato figurativo.

Tudo começou com o seu fascínio pelos desenhos de Jean Cocteau, admiráveis na simplicidade do traço, complexos na exploração do desejo masculino. Também foi buscar referências ao universo da fotografia masculina da época pré-ativista gay, (neste caso o pouco conhecido Denny Denfield, cuja obra clandestina foi criada para ser vista, e apreciada, em 3D) e até as polaroides de Andy Warhol.

Um feliz encontro com o fotografo berlinense Daniel Harders conduziu-o a explorar uma vertente mais real, pessoal e introspetiva, e contemporânea, sobre este momento em que o papel masculino na sociedade está a ser ferozmente questionado. Os homens que se apresentam nestes trabalhos são vulneráveis, incertos, fragilizados, mesmo que sedutores. Ocupam-se a fazer coisas banais. O traço deixa as formas incompletas, para que o espectador, com um certo complexo de culpa voyeurista, tenha que preencher a figura, assim se deixando mergulhar no imaginário do protagonista.

Acabamos por nós perguntar, o que ele está a pensar? E talvez esperemos que esteja a pensar em nós.

Self-Portrait.jpg